Notas sobre a nossa existência.

Me entender mulher negra não foi como acordar num belo dia de domingo, enaltecer meus fios crespos, sentar pra tomar um café numa varanda luxuosa, pensar em toda a estrutura social que me cerca e dizer: “Está tudo bem!”. Não foi uma lida fácil e ainda não é. Reflete em